search
top

AMAMENTAR EVITA PRISÃO DE VENTRE NO BEBÊ

A prisão de ventre, também conhecida como constipação ou “intestino preso” é uma queixa muito comum nos bebês. Caso seu bebê esteja passando por este tipo de problema, você precisa entender como a amamentação pode ajuda-la.

.

.

É VERDADE?

Sim, é verdade! Um estudo realizado em 2002 mostrou que os bebês alimentados com leite artificial têm 4,5 vezes mais chance de apresentar constipação intestinal do que os bebês amamentados.

Mas por que será que isso acontece?

.

.

COMO AMAMENTAR EVITA CONSTIPAÇÃO?

O leite materno (sempre fazendo milagres) possui uma série de substâncias e benefícios que facilitam o funcionamento do intestino do bebê. Esses benefícios são muito bem vindos, pois o aparelho gastrointestinal do bebê é bastante imaturo.

As principais substâncias e benefícios são:

.

  • Neurotransmissores
  • Oligossacarídeos
  • Formação de flora intestinal adequada
  • Lipídeos com bom perfil de absorção

.

Os neurotransmissores são substâncias que atuam no sistema nervoso do intestino, estimulando a movimentação e favorecendo a eliminação das fezes.

Os oligossacarídeos também fazem a sua parte, pois são açúcares não absorvíveis que se acumulam no intestino, atraindo água e bactérias benéficas. Isso contribui para a formação de um bolo fecal adequado.

Bebês amamentados têm uma flora intestinal melhor do que os bebês que usam fórmula infantil. As bifidobactérias e os lactobacilos fazem parte desta flora. O intestino agradece.

Já com relação aos lipídeos, o que acontece é que as gorduras presentes no leite materno são de excelente qualidade, tendo ótima digestão e absorção, o que contribui para um bom hábito intestinal.

.

.

DISQUEZIA DO LACTENTE

O que é essa palavra estranha? A disquezia do lactente é um sintoma normal em bebês pequenos (até os quatro ou cinco meses), mas frequentemente é confundida com a “prisão de ventre”. Sabe quando um bebê faz muita força para defecar? Ás vezes chega até a ficar com o rosto vermelhinho de tanto fazer força. Ele faz muita força, só que quando ele finalmente consegue fazer, você percebe que as fezes são pastosas, molinhas.

Por que ele fez tanta força para defecar, se as fezes são pastosas? Chama-se isso de disquezia do lactente e é perfeitamente normal nos primeiros meses de vida. O motivo é a imaturidade do sistema digestivo. O bebê está aprendendo a coordenar a liberação das fezes.

Em todo caso, se for exagerado, leve a um pediatra para excluir outras possibilidades.

.

.

ATENÇÃO!

Um bebê em amamentação exclusiva às vezes fica vários dias sem defecar e pode ser perfeitamente normal se não houver outros sintomas, tais como ressecamento, distensão abdominal excessiva, acúmulo exagerado de fezes, dor ao defecar, etc. Sempre consulte um pediatra para maiores avaliações.

Nestes acasos, dar leite artificial geralmente só piora o problema.

.

Veja também:

Como Amamentar – Passo A Passo

Seu Bebê Está Ingerindo Leite Materno Suficiente? Descubra!

Os Benefícios Do Aleitamento Materno Para Você e Seu Bebê

Amamentação No Combate À Obesidade

.

.

EVITE A PRISÃO DE VENTRE NO SEU BEBÊ!

AMAMENTE!

top