search
top

CERVEJA PRETA FAZ AUMENTAR O LEITE MATERNO?

Este é mais um mito sobre amamentação, cerveja preta não aumenta a produção de leite. Caso seja de uma variedade que contenha álcool, pode ainda prejudicar a amamentação e prejudicar o bebê. O álcool entra facilmente no leite materno, chegando sem dificuldade ao organismo do bebê. Os prejuízos são vários e alguns ainda não estão completamente esclarecidos.

Álcool não combina com amamentação.

Há formas eficazes de aumentar a produção de leite.

 .

O QUE É UMA CERVEJA?

É basicamente uma bebida fermentada fabricada a partir de água, fermento, lúpulo e malte. O malte pode ser constituído por vários ingredientes: cevada, arroz, milho, centeio, trigo ou aveia. Outros componentes podem ser adicionados para modificar o sabor.

.

UM POUCO DE CIÊNCIA

Quanto aos efeitos do álcool sobre a produção láctea, sabe-se que o consumo desta substância desorganiza os hormônios que regulam a produção e a ejeção do leite. Logo após uma dose de álcool, há aumento na produção de prolactina e redução na ocitocina. O efeito resultante é o seguinte: os bebês cujas mães consomem álcool ingerem até 20% menos leite.

Os defensores do álcool costumam argumentar que o incremento na prolactina resultaria em elevação de produção, mas não há evidências de que isso seja verdade. A diminuição da ocitocina, por outro lado, dificulta a ejeção do leite na boca do bebê. Isso é certo.

Este é um campo ainda em estudo. O que já ficou comprovado é que não há aumento na produção láctea. O que há é uma série de malefícios para o bebê, veja alguns:

  • Tendência ao alcoolismo quando adulto
  • Alterações intestinais
  • Distúrbios de sono
  • Inteligência reduzida quando adulto

.

Veja também:

Leite Fraco: Conheça A Verdade

.

PERSISTA NA AMAMENTAÇÃO!

SEU BEBÊ MERECE!

SE FOR AMAMENTAR, NÃO BEBA.

top