search
top

FUMAR CIGARRO DURANTE AMAMENTAÇÃO??

Se você é fumante e está grávida ou tem um bebê, é importante aprender tudo sobre a relação entre o cigarro e a amamentação, além disso, saiba também o que você pode fazer para proteger e melhorar a vida do seu pequeno. Uma das primeiras coisas que você precisa saber é que o cigarro pode afetar o bebê de três maneiras diferentes:

1 – Através da placenta (na gravidez)

2 – Através da fumaça respirada

3 – Através do leite materno

IMPORTANTE: Você pode e deve tratar-se contra o tabagismo, mesmo estando grávida ou amamentando. Falaremos sobre isto mais à frente.

.

Bebê Nini

.

EU SOU FUMANTE, DEVO AMAMENTAR?

Sim. Apesar de todos os malefícios que o cigarro traz para o bebê, ainda assim o aleitamento materno é vantajoso e traz benefícios para a saúde do bebê. Mais à frente falaremos de alguns cuidados que precisam ser tomados pelas mães fumantes.

.

CONSEQUÊNCIAS DO CIGARRO PARA O BEBÊ

Quando o bebê é amamentado por uma mãe fumante, além de respirar a fumaça, ele também ingere leite materno cheio de substâncias tóxicas, causando diversos problemas em curto e longo prazo.

• Bebê sente mais cólica.
• Bebê torna-se mais agitado.
• Bebê dorme menos.
• Bebê ganha até 40% menos peso (a mãe produz menos leite).
• A criança terá um QI mais baixo no futuro.
• Poderá haver dificuldades de aprendizagem.
• Mais chance de pneumonia, asma, bronquite, gripes, alergias e outras doenças.
• O bebê tem mais chances de ser fumante quando adulto.
• O bebê deixa de mamar mais cedo (e a mãe desmama bebê mais cedo).
• Episódios de intoxicação aguda

.

QUANDO O BEBÊ NÃO MAMA

Os bebês que não mamam também sofrem as consequências nocivas do tabagismo, por que respiram a fumaça do cigarro. Ao inalarem rotineiramente a fumaça, os bebês ficam mais suscetíveis a doenças respiratórias, tais como asma, pneumonia, gripes e bronquites…

.

Cigarro

.

FUMO NA GRAVIDEZ É DESASTROSO

Uma mulher grávida fumando é aterrorizante. A nicotina causa a contração dos vasos sanguíneos de todo o corpo (inclusive os vasos da placenta); elevando a pressão sanguínea, diminuindo a oxigenação do feto e reduzindo também a chegada de alimentos para o bebê.

As consequências disso são que o feto ganha pouco peso durante a gravidez, podendo nascer muito pequeno e imaturo. Além disso, o cigarro também contém diversas substâncias cancerígenas que podem causar deformações e doenças neurológicas no bebê.

Como se já não fosse o suficiente, o bebê também pode nascer “viciado” em cigarro ou ter grandes tendências para o tabagismo quando for adulto. Pense no seu bebê, não fume!

• Feto recebe pouco oxigênio
• Feto recebe pouco alimento
• Feto recebe substâncias cancerígenas
• Feto cresce pouco / ganha pouco peso
• Bebê pode nascer com deformações
• Bebê pode nascer com doenças neurológicas
• Aumento drástico de complicações na gravidez
• Risco de abortamento espontâneo
• Parto prematuro

A GRAVIDEZ É UMA ÓTIMA OPORTUNIDADE PARA DEIXAR DE FUMAR!

.

LEITE MATERNO x TABAGISMO

As substâncias nocivas do cigarro são encontradas no leite materno em concentrações muito maiores do que aquelas encontradas no sangue da mãe. Isso significa que as glândulas mamárias excretam essas substâncias ativamente no leite materno.

Além disto, a nicotina causa distorções hormonais na mulher, provocando redução da produção do leite. Isto pode fazer com que o bebê ganhe menos peso do que o esperado.

• O leite materno concentra as substâncias nocivas do cigarro
• A nicotina altera e reduz a produção do leite materno
• O cigarro também modifica o sabor do leite materno

.

Bebê Menino Um Mês

.

INTOXICAÇÃO AGUDA DO BEBÊ

Dependendo da quantidade de cigarros que a mãe fuma, pode haver episódios de intoxicação aguda do bebê. Quando isso acontece, o bebê pode apresentar desde sintomas mais leves até sintomas graves, inclusive trazendo risco de morte.

• Agitação
• Taquicardia (coração acelerado)
• Taquipnéia (respiração rápida)
• Choro
• Prostração
• Diarreia
• Vômitos
• Dor Abdominal /Cólica
• Salivação
• Sudorese
• Cianose (bebê fica roxo)
• Palidez
• Parada respiratória

.

E SE VOCÊ NÃO QUISER PARAR DE FUMAR?

Caso você queira continuar fumando, mesmo conhecendo todas as desvantagens para você e para o bebê, então precisa conhecer as dicas abaixo. Essas dicas servem para tentar minimizar o impacto do cigarro sobre o bebê.

• Deixe para fumar imediatamente DEPOIS DE CADA MAMADA.
• NÃO FUME dentro de casa.
• NÃO FUME perto da criança.
• NÃO FUME antes da mamada.
• Dê um INTERVALO DE 2 HORAS entre fumar e amamentar.
• REDUZA O NÚMERO DE CIGARROS que você consome para menos de 10 cigarros/dia.

OBSERVAÇÃO: Os tratamentos contra o tabagismo podem e devem ser feitos durante o período de amamentação, inclusive podem ser utilizadas as gomas de nicotina e os adesivos normalmente. Para outras substâncias e tratamentos, oriente-se com seu médico.

.

Veja também:

Os Benefícios da Amamentação e do Leite Materno

As Cólicas do Bebê e a Amamentação

Guia Completo Sobre Como Amamentar

Aumentando o Leite Materno

.

PARABÉNS POR AMAMENTAR!

top